Este texto é uma resposta ao artigo de Carlos Alberto: A presença das coisas na eternidade segundo a mente de João de S. Tomás e Ruiz de Montoya: uma concórdia? Eu desenvolvi um dilema que coloca o teísmo clássico em maus lençóis, isto é, dado o meu...

De muitas formas, somos convidados a entrar no assunto da solidão pela humanidade. Alguns são através de exemplos narrativos que mostram o conceito acontecendo a determinado sujeito, outros ainda tratam da solidão como fenômeno psicológico que se manifesta para o eu. Mas, hoje, proponho algo...