Deixar na mão do mercado significa não fazer nada?

Quando defendo liberalização dos mercados, imediatamente surge quem questione se “não fazer nada” realmente é a melhor solução. Isso implica dizer que é necessário tomar uma atitude – e essa atitude seria, por sua vez, intervir na economia. “É preciso ter um plano”, rogam os intervencionistas ávidos por regulamentações estatais. Porém, a questão aqui não é “não ter um plano” ou “não fazer nada” e sim indagar quem irá planejar e como isso será feito. Nisso reside a diferença entre planejamento centralizado e planejamento descentralizado.

Como a Democracia Liberal Abre Caminho para o Totalitarismo

Em tese a democracia é balizada pela decisão da maioria. Sendo assim, o ponto crucial é considerar quais as características gerais dessa maioria. Analisando a conduta humana, percebemos que existe uma atitude natural nos indivíduos em buscar as melhores condições para suas próprias vidas, e, uma vez conquistadas tais condições, o próximo passo é querer …

Desmistificando o Fascismo: o desserviço de Frankfurt e a confusão moderna

Em tempos de grande turbulência e de manifestações “antifascistas”, fica flagrante o desconhecimento histórico sobre fascismo enquanto fenômeno social, político e econômico. O embate, como não poderia ser diferente, está envolto a narrativas que visam deslocar o fascismo ao sabor das escolhas pessoais. Se sou de esquerda, logo fascismo é de direita; se sou de …

Livre Mercado como Solução contra a Corrupção

A corrupção é um fenômeno estudado por diversas áreas, está presente em todas as sociedades e intriga especialistas pelo mundo. Mecanismos para frear o comportamento corrupto são pensados e repensados constantemente, e, partindo do ponto estritamente econômico, podemos dizer que uma via para frear a corrupção é a descentralização de recursos. Por descentralização devemos entender …

Taxar grandes fortunas é uma boa ideia?

De tempos em tempos, independente de crise ou não, surgem os defensores de imposto contra grandes fortunas (IGF). Geralmente essa defesa vem acompanhada de coros inflamados rogando por “justiça social”, “diminuição das desigualdades”, “distribuição de riqueza” e outros slogans do tipo. O objetivo dessas pessoas é criar um mundo melhor e com mais oportunidade para …